QUEM SOMOS NÓS

A ideia surgiu a partir da nossa vontade de expandir o diferente e inovador que conhecemos dentro da linguagem arte visual independente de sexo, faixa etária ou manequim. Observações do dia a dia no fizeram perceber que muitos estão presos a conceitos que levam a determinadas necessidades irrelevantes; outras se entregam a ilusão do consumo "abusivo", ou tentam modificar o que já é original e belo.

A História...

Marisa Souza e Pamela Rosa. 
Amigas. Ambas: artesãs, arte educadoras, grafiteiras, mc's, idealizadoras, e coordenadoras do espaço cultural Abayomi Ateliê. Estudantes de Artes visuais, pela Universidade Cruzeiro do Sul, também desenvolvem um projeto musical Hip-Hop chamado SouRosa, Rap que retrata ideias do cotidiano, e problematizações causadas pelo sistema.
Marisa Souza, vulgo das ruas "lamaH", responsável pela administração e marketing do espaço, além da produção artesanal, também é videomaker e editora.  
Pamela Rosa, vulgo Bien especializa-se em customizações de peças femininas e fabricação de bolsas e acessórios artesanais, alem da coordenação geral de produção do espaço. Cursou por dois anos Designer de Moda pelo Centro Universitário Belas Artes, em 2006.
A princípio, desenvolviam artesanato em casa, porém através de um envolvimento com o Projeto AZU, um espaço dentro da Comunidade Nossa Senhora Aparecida, receberam apoio físico/estrutural, e, em 2010, aliadas a Laís Fernanda e Ligia Prata, formaram o Abayomi. Hoje, Laís e Ligia seguiram carreiras distintas em outras áreas. 


2009...
Em abril, antes mesmo de existir o "nome" Abayomi, participamos do desfile de moda SP Fashion Downtown, realizado na Praça da Patriarca, Centro. O evento consistia no desfile de várias marcas, no qual foram inclusos modelos de vestuários e acessórios femininos por nós confeccionados, bem como a pintura (graffiti) em latões que foram expostos pela CPTM. 

2010...
O grupo realizou intervenções artísticas em Telecentros, Casas e Fábricas de Cultura da região, como trabalhos de graffiti e oficinas de customização de vestuários, acessórios e chinelos, utilizando técnicas como fuxicos e macramê. 
Nesse mesmo ano, participamos ativamente do “Projeto Degraus da Arte” do Ateliê AZU, que consistiu na revitalização de uma escadaria com painéis de azulejos artesanais, na Rua Mocidade Alegre na comunidade Vila N. Senhora de Aparecida, além das exposições, feiras e eventos independentes, buscando também o desenvolvimento dos nossos trabalhos.

2011...
Janeiro. O Abayomi conquista um novo espaço, maior, e mais dinâmico, além da contemplação no Programa VAI (Valorização de iniciativas culturais). Foram realizados 08 eventos, no período de 8 meses, em parceria com o VAI e colaboradores como CPTM, Favela FC, Elpub, Centro de Educação Popular N.S. Aparecida, Biblioteca Municipal Rubens Borba de Moraes e Fundação Tide Setúbal. Além dos eventos organizados e administrados pelo Abayomi, tivemos participações ativas em demais eventos, de coletivos parceiros.
Preocupamo-nos em utilizar o termo "Resgatando a Identidade", tema do projeto, acentuando a proposta do Abayomi, esclarecendo nossos objetivos: um resgate a identidade oculta, desconhecida, talvez esquecida, uma busca pelas nossas essências e raízes, utilizando a arte em vestuário como suporte e meio. 
Foram realizadas atividades como exposições de graffiti, telas e fotografias, intervenções fotográficas e desfiles, detalhados no portfólio. 
Durante todo o ano foram ministradas oficinas de graffiti e customização, no próprio espaço Abayomi, em parceria com a ASSAOC – Oficinas Culturais Oswald de Andrade, e aulas também para adolescentes em LA (Liberdade Assistida), em parceria com a ONG “MSE Abraço Amigo”, Arthur Alvim.
Em dezembro, finalizamos o ano com a exibição do ateliê na série Reis da Rua, programa da TV Cultura.

2012...
Novamente contemplando pelo Programa VAI. 
Foram realizadas quatro atividades, sendo elas exposição de graffiti, intervenção fotográfica (que resultou no lançamento de um catálogo impresso, e um evento coquetel), e o tradicional desfile. "Um novo olhar para lembrar", catálogo totalmente artesanal, focou no cenário peculiar da comunidade como personagem da fotografia, acentuando a proposta transgressora das nossas intenções, usando roupas e acessórios dentro de uma contextualização visual diferente. Finalizamos com o Desfile da coleção "Quem não é visto, não é lembrado", em dezembro, um evento que contou também com a participação de grafiteiros, artistas expositores de artesanatos e apresentações musicais, no lançamento da coletânea Artevidádiva, em parceria com o Estúdio João de Barro, companheiro do Abayomi, desenvolvia atividades no mesmo endereço.

2013...
Início das atividades a milhão! Ano em que caminhamos sem auxilio de projetos e editais da Prefeitura. 
Dia 16 de março, foi exibido pelo SPTV - 1º edição, uma matéria apresentando o espaço e nossas atividades. (O vídeo também está disponível no blog). 
Em junho, a terceira edição da exposição de graffiti, dentro do espaço. 
Em julho, a primeira parceria para a produção de figurino: O filme “Um Salve Doutor”, de Andrio Cândido (Coletivo Cultural Marginaliaria) e Rodrigo Sousa e Sousa (Coletivo Mundo em Foco) nos abriu outras visões e possibilidades, dentro do cenário. 
Firmamos também parcerias para locação do espaço, e foram ministradas aulas de dança Afro, por Inajá Obulê. Em novembro nos unimos com Wesley Nóog, músico, compositor, articulador cultural e arte educador. Foi a primeira apresentação musical, com banda, no espaço, alem do graffiti, exposição, sorteio de brindes, e um set de gravação para o filme Um Salve Doutor. Neste momento percebemos que, o local tinha ficado pequeno, e estava complicado dividir a produção diária com a movimentação cultural.
Tínhamos um cronograma para cumprir, e mesmo assim, em dezembro, fechamos o ano com um super evento: o lançamento da coletânea Hip Hop Artevidádiva. Marisa e Pamela cantam sua segunda musica, Um Elogio A Loucura. 

Entre dezembro e janeiro decidimos por alugar outro espaço, independente. Atualmente nos localizamos no bairro do Jd dos Ypês/Pq Santa Rita, Zona Leste, SP. Entre janeiro e junho, permanecemos em reforma, para estruturar o local de acordo com os planos futuros do espaço. Durante a caminhada desses anos, conhecemos pessoas, que, somariam futuramente nos trabalhos. 
Decidimos por realizar também eventos em coletivos parceiros, tanto para fortalece-los na caminhada, quanto para intinerar a arte, promovendo um fácil acesso em comum. 


2014...
2014, ano da mudança e transformação... 
Contemplados novamente pelo Programa VAI, porem desta vez, modalidade II.
Atualmente, a equipe do Abayomi é uma família incontável, são amigos, clientes, parceiros, apreciadores da arte, que caminham conosco, direta, ou indiretamente. 
A equipe de produção é composta por Karine Ramos, Alana Di Pieri, Josenilda Bento, Lariane Costa, e o oficineiro Igor Beserra, além das coordenadoras Marisa e Pamela. 

Continuamos a caminhada firme, e muito ainda há de acontecer! Aguardem...


PORTFÓLIO decrescente...

2013/22 de novembro – Pré Lançamento da coletânea Artevidádiva a, cinema e graffiti.
2013/03 de novembro – Corredor Cultural Mameluco Afro Brasileiro, Lançamento do Cd do músico Wesley Noog, em parceria com Abayomi, organizam um evento com música, teatro, dança, cinema e graffiti.
2013/03 de outubro – Palestra Abayomi, na Fábrica de Cultura Belém, para professores do Estado e Prefeitura, focando no tema sustentabilidade, em parceria com a DRE-PENHA.
2013/29 de setembro – Exposição intinerante “Tabuada”, organizada pelo Coletivo MOBILISE. 35 artistas pintaram tábuas de madeira, expressando diferentes estilos de arte. Discotecagem dos Djs Negrito e Dedot.
2013/22 de setembro – Exposição de vestuários, no Festejo de São Miguel Paulista 2013 (aniversário de 391 anos do bairro), em parceria com a subprefeitura.
2013/14 de setembro – Participação do painel de graffiti, no evento de 8 anos de aniversário da Comunidade Cultural Quilombaque, de Perus, Zona Oeste.
2013/10 de agosto – Ensaio Geral, produzido pelo Studio João de Barro, com a apresentação dos artistas da coletânea Artevidádiva. SouRosa (Marisa e Pamela) cantam “Invertendo Dilemas”
2013/30 de junho – 3º Exposição de Graffiti, nos muros do Abayomi Ateliê, com cerca de 20 artistas, grafiteiros, mais discotecagem dos Djs Negrito e Elvis
2013/16 de março de 2013 – Exibição do Abayomi, no SPTV 1º edição, contando um pouco da história do espaço, em um convite feito pelo idealizador do quadro, Alessandro Buzo.
2012/16 de dezembro – 4º Desfile da coleção “Quem não é visto, não é lembrado”, no Centro de Educação Popular N. S. Aparecida, Comunidade da Zona Leste. Evento que uniu o desfile Abayomi, com Projeto Varre Vila, Coletivo Munda em Foco, e João de Barro, lançando a coletânea Artevidádiva.
2012/03 de novembro - Lançamento do Catálogo “Um novo olhar para lembrar”, no CDC Tide Setúbal, consagrou o resultado da Intervenção Fotográfica, impressos em páginas que uniram a arte visual do vestuário Abayomi, com a literatura periférica.
2012/19 de agosto - 3º Intervenção Fotográfica, nas vielas da Comunidade Vila Santa Inês, em parceria com Ricardo Kafka.
2012/24 de junho - 2º “Exposição de Graffiti” nos muros do Abayomi Ateliê, com discotecagem dos Djs Negrito e Elvis. Foram convidados 15 artistas da região.
2012/11 de março - Debate Feminino - Dia Internacional da Mulher, no evento “O Levante”, organizado pelo Coletivo Marginaliaria. Além do debate, o Abayomi fez graffiti em madeirites, exposição de vestuários e acessórios, além da recitação de poesias no sarau.
2012/28 e 29 de janeiro - Exposição e venda de vestuários e acessórios na “Festa Jornada da Habitação”, Comunidade São Rafael, Jd. São Francisco, em parceria com a Secretaria da Habitação.
2011/11 de dezembro - 3º Desfile da Coleção “Resgatando a Identidade”, em parceria com o Coletivo Cultural ZL e ASSAOC, com o “Encerramento das Oficinas Culturais”. O evento também conto com graffiti, exposições, caricaturas ao vivo, apresentações teatrais, circo, apresentações musicais, e discotecagem do Dj Negrito.
2011/05 de dezembro - Exibição do Abayomi no Programa “Reis da Rua”, apresentado na TV Cultura, tendo como protagonista do episódio “Laís”, integrante do grupo. Link: www.youtube.com.br/watch?v=ytBYUTf_P7s. 
2011/05 à 30 de novembro - 2º Exposição de fotografias e telas grafitadas, realizada na Biblioteca Municipal Rubens Borba de Moraes, Ermelino Matarazzo, com tema “Todas as cores criam o mundo”, contendo materiais como telas, manequins grafitados, com roupas customizadas e latas de sprays decorativas.
2011/26 de outubro - 2º Desfile, coleção “Literatura, desbravar sem temer”, realizado no CDC Tide Setúbal, São Miguel, Zona Leste, em parceria com o evento “Feira do Livro e Literatura”.
2011/12 de outubro - 2º Intervenção Fotográfica, na comunidade Jd. Miragaia, Zona Leste de SP, em parceria com Ricardo Kafka, e a 5º edição da festa “Brincando com as crianças”, realizada dia 12 de outubro de 2011.
2011/11 de setembro - Exposição dos vestuários no evento “Bang Cultural”, no Bar e restaurante Sete Mares, Zona Leste.
2011/20 de agosto - 1º Desfile, coleção “No frio também de calor”, com inauguração da 1º “Exposição” de fotografias e telas, produzidas por artistas e parceiros do Ateliê, em parceria com ELPUB, em São Caetano do Sul.
2011/26 de junho - 1º “Exposição de Graffiti” nos muros do Abayomi Ateliê, pintados por artistas parceiros do espaço.
2011/19 de junho - 1º Intervenção Fotográfica, nas vielas da Favela da Comunidade Nossa Senhora Aparecida, em parceria com Ricardo Kafka, fotógrafo.
2011/18 de maio - Oficina de customização de camisetas, na estação Brás da CPTM, em uma parceria com a Campanha do Agasalho “Roupa boa a gente doa”.
2011/15 de maio - Workshops de customização de camisetas na Fábrica da Cultura Jd. Robrú. (Projeto com crianças da região).
2011/03 de abril - Graffiti em telas e madeirites no Evento “Hip Hop Session”, na inauguração da Fábrica de Cultura do Jd. Robrú, dia 03 de abril de 2011.

(Atualizado_22 de junho 2014, por Marisa Souza)

Postar um comentário